Com o mercado competitivo dos dias de hoje, quem não analisar constantemente seus resultados em busca de melhorar sua atuação, dificilmente atingirá uma posição de sucesso. Por essa razão, empreendimentos de diversas áreas estão investindo cada vez mais no autoconhecimento, especialmente sobre aspectos que podem contribuir para que ela continue sendo rentável. Para ajudar nessa questão, existem alguns indicadores que ajudam a diagnosticar a saúde do negócio e contribuir, portanto, para a tomada de novas decisões e escolha de rumos mais acertivos para o crescimento. Quer descobrir quais são os indicadores mais importantes para sua empresa? Confira no texto a seguir:

Desempenho Empresarial

Recomendado: Porque saber os números de sua empresa?

Faturamento

Pode parecer lógico acompanhar o faturamento, mas o fato é que muitas empresas não dão o devido valor para esse indicador. É ele que mostra quanto está sendo comercializado e quanto de dinheiro está entrando no empreendimento. Além disso, esse indicador é extremamente útil para fazer comparações com as metas estabelecidas para o momento e descobrir se você precisa realinhar estratégias e buscar nova clientela para que sua empresa possa ter o lucro esperado.

Recebimentos

Faturamento e recebimentos não são a mesma coisa. O fato é que você pode vender muito, mas não necessariamente estará recebendo esse dinheiro efetivamente. Isso ocorre especialmente com quem faz muitas vendas a prazo, como cartão de crédito e boletos ou pior: sofre com a inadimplência. Faça uma análise precisa dos seus clientes em estado de inadimplência e crie um programa de cobranças mais eficaz: deixar o recebimento o mais próximo possível do faturamento é uma meta que todo empresário deve ter.

Custo fixo

Ter uma noção precisa dos seus custos fixos é outro fator preponderante para que uma empresa funcione com precisão. Esse conceito é importante, pois muitos empresários, especialmente os menos experientes, acabam se iludindo e perdendo o controle, principalmente quando os negócios começam a crescer. Conhecer o custo fixo ajuda a saber que o dinheiro gasto nesse indicador é, na realidade, virtual: você jamais o terá, pois ele é necessário todos os meses para que a empresa funcione, mesmo em seu nível mais básico. Já os custos totais variáveis podem mudar, pois aumentam de acordo com o volume de negócio, porém os fixos precisam ser conhecidos e muito bem!

Ticket médio

O Ticket Médio é um indicador que se popularizou muito nos últimos anos, pois dá uma boa noção para a empresa do seu público alvo e da própria dinâmica do seu negócio. Ele aponta na média quanto cada venda está trazendo de lucro, ou seja, demonstra se vale mais investir em certos itens ou se é melhor destinar seus esforços de marketing para outros produtos. Quanto mais alto esse indicador, mais você vai receber por uma única transação. É uma forma de possibilitar projeções inteligentes, mostrando o quanto a mais você vai ganhar se aumentar os compradores de determinados nichos do seu negócio.

Esses são alguns indicadores que podem ajudar seu empreendimento a ter maior controle da própria saúde empresarial. Quem não conhece bem seu negócio terá chances muito maiores de tomar decisões erradas e percorrer um trajeto mais difícil, enquanto quem tiver a perfeita noção das minúcias de sua empresa e das variáveis da sua área, aumentará consideravelmente suas possibilidades de sucesso. Um empresário inteligente não pode abrir mão de um diagnóstico perfeito: use esses dados a seu favor! Ficou animado com os benefícios que os indicadores podem causar à sua empresa? Deixe seu comentário e conte pra gente. Sugestões e dúvidas também são bem-vindas.

fonte:http://blogsetting.rdstation.com.br/4-indicadores-para-diagnosticar-saude-da-empresa/?utm_campaign=news_resumo_do_mes_abril&utm_medium=email&utm_source=RD+Station